Cuidados com a vítima

Imprimir
E-mail

Categoria: Primeiros socorros

 

Antes de prestar socorro às vítimas de acidentes de trânsito, devemos primeiramente tirá-las do perigo iminente de morte, isto é, se estiverem em local que poderão ser vítimas novamente; depois devemos analisar os sinais vitais para manutenção da vida, que são a respiração, circulação e o estado de consciência.

Lembramos ainda que só devemos mexer nas vítimas se a situação se encaixar em um dos exemplos acima citados; demais casos é melhor esperarmos pelo socorro especializado, pois as conseqüências por um socorro mal feito poderão ser irreversíveis.

—— ALGUNS EXEMPLOS DE COMO DEVEREMOS MOVIMENTAR AS VÍTIMAS-
•01 - Ao tentar levantar a vítima procure manter as costas retas, abaixando e dobrando os joelhos e mantendo o peso junto ao seu corpo.

•02 - Se a vítima estiver consciente, use a técnica da “muleta humana".

Você fica ao lado lesado ou mais fraco da vítima e passa o braço da vítima envolta de seu pescoço. Seu outro braço passa ao redor da cintura da vítima, segurando no cinto ou cós da roupa.

Dê passos pequenos e inicie a marcha com o pé do lado de dentro.

•03 - Se for necessário o “arrasto” da vítima, coloque os braços da vítima sobre o peito.

Encaixe-se atrás dela e segure-a pelas axilas. Agora puxe segurando os pulsos com firmeza.

•04 - O transporte em “berço” consiste em agachar atrás da vítima, passando um de seus braços em volta do tronco, acima da cintura, e o outro por debaixo das coxas.

•05 - Quando a vítima é socorrida por duas pessoas, a técnica da “cadeirinha” é simples, os dois agacham-se, um de frente para o outro, de cada lado da vítima, cruzando os braços atrás das costas e segurando na cintura. Debaixo das coxas da vítima, eles seguram firmemente as mãos.

•06 - A técnica do transporte “longitudinal" consiste em um dos ajudantes agachar atrás da vítima, passando seus braços por baixo das axilas e pegar firme pelo pulso; o auxiliar agacha-se ao lado da vitima e passa seus braços por baixo das coxas, segurando as pernas.

Ambos levantam vagarosamente e procuram caminhar ao mesmo tempo.

É importante saber que as técnicas do “berço”, “arrasto” e “longitudinal” são as melhores para as vítimas inconscientes.

Para pacientes conscientes e falando a “muleta humana” com um ou dois ajudantes é a melhor.

Para pacientes conscientes e que não falam, o “arrasto”, a técnica da “cadeirinha” e “longitudinal” são as mais indicadas.

Quando o socorro especializado chegar é importante informar as providências que foram tomadas nos primeiros socorros.

Em caso de acidente com vítimas, você deverá disponibilizar seu veículo para transporte das vítimas, caso não haja alternativa.

► IMPORTANTE: A movimentação de uma vítima só deve ser realizada antes da chegada de uma equipe de socorro, se houver perigos imediatos como incêndio, perigo do veículo cair, ou seja, desde que esteja presente algum risco incontrolável.

Não havendo risco imediato, não movimente a vitima.

Newsletter

Nome:
Email:
Lista:
Autoescola Capra

Mais Pesquisados

Travessia das Balsas

DERSA